BlogdoJSilva


Drones e tubarões: solução para banhistas

 

 Praia, banhistas e tubarões não é uma boa combinação. Principalmente para os banhistas. Um dos lugares com maior índice de ataques é na Austrália, motivando a necessidade e o interesse em novos métodos de detecção de tubarões e prevenção de ataques.

Imagine poder inspecionar a praia antes de entrar na água, ou ser avisado com antecedência se um tubarão estiver se aproximando. Esta é a proposta de uma empresa que equipou drones com câmeras e um sistema de alerta para avisar os banhistas.

Basicamente os drones enviam imagens coletadas para um operador humano. O operador pode interpretá-los e, em seguida, usar a informação para notificar as pessoas apropriadas de forma oportuna e eficiente. Neste caso, os drones oferecem uma melhor coordenação dos esforços de segurança.

Ainda não foi possível em 2018 desenvolver um drone com inteligência artificial capaz de detectar os tubarões e emitir os alertas de forma totalmente autônoma. No entanto, os testes foram bem satisfatórios com o uso de drones operados por vigilantes humanos. A estimativa é de uma elevada redução de vítimas por ataque de tubarão nas regiões monitoradas.

Para mais informações acesse: thelittleripper